PAIXÃO SENSORIAL

22 de fevereiro de 2017, postado em Notícias por Cleyton Queiroz

INCLUSÃO SOCIAL


Para o torcedor comum assistir a uma partida de futebol é um lazer cotidiano, com uma frequência praticamente semanal. Mas para crianças especiais, acompanhar uma partida de seu time do coração, comparecendo ao estádio pela primeira vez é uma experiência inesquecível. E quatro torcedores mirins do Fortaleza com deficiência visual, tiveram a oportunidade de acompanhar a partida (19/02) do clube  no Castelão, vencida pelo Leão por 3 a 0 contra o Uniclic.

A ação foi em parceria do clube com o Instituto dos Cegos do Ceará, e alunos do MBA em Gestão Empresarial da Pós-Unifor que desenvolveram o projeto de acessibilidade “Olhos que enxergam com o coração”.

Eles tiveram a oportunidade de sentir a magia de um estádio como o Castelão, conhecendo o gramado, vestiário e entrar em campo com o time, tudo vestido com camisas personalizadas do Leão, com o nome deles escritos em braile.

“Existe um grande número de pessoas que tem todo tipo de deficiência e não tem acesso a uma experiência dessa. É uma obrigação nossa, dentro de um projeto social de trazer as pessoas para a sociedade e para o futebol. E o Fortaleza, como clube da garotada, sente muito orgulho em receber estes torcedores tão especiais”, declarou o presidente do Leão, Jorge Mota.

E a cada passo dos garotos – acompanhados por pais e responsáveis – cada toque, sons, eles conheciam um mundo diferente: tocando o gramado, o banco de reservas, a linha divisória do campo, as redes das traves e claro, chutando a bola para marcar seus gols, em expressões emocionantes a cada descoberta. Em uma das cenas mais emocionantes, foi quando um dos garotos, acompanhado e orientado pela mãe, fez questão de subir os degraus da arquibancada, se apoiando nos corrimões com sua bengalinha.

Mas o segundo momento da experiência reservava uma emoção ímpar: os garotos puderam acompanhar a partida na arquibancada e ouvindo uma narração audiodescritiva, com aparelhos especiais de rádio frequência, semelhantes aos usados para tradução simultânea.

EXEMPLO

Para o professor de educação física da Unifor, Vicente Cristino, que acompanhou de perto um dos garotos na caminhada pelo gramado, a experiência vivida por eles é inesquecível.

“A única deficiência que estes garotos têm é a cegueira. Mas eles podem torcer e vibrar com seu clube de coração como qualquer outra pessoa. É só você fechar os seus olhos e sentir. Eles estão entrando pela primeira vez no estádio e jamais eles esquecerão este momento. E podemos abrir para todas as pessoas com deficiência esta inclusão. A experiência delas em um dia como este é para o resto da vida.

VLADIMIR MARQUES

Repórter

Fonte: Diário do Nordeste / Caderno Jorgada.

 

IMG-20170220-WA0016 - Cópia  IMG-20170220-WA0018 - Cópia IMG-20170220-WA0014 IMG-20170220-WA0015 IMG-20170220-WA0017

PAIXÃO SENSORIAL 0 comentários

.

Comente

 
 
 

Outras Noticias

BRASIL PASSA A FAZER PARTE DO COMITÊ DE JOVENS LEITORES DA ASSOCIAÇÃO MUDIAL DE JORNAIS

23 de março de 2017, postado em Notícias por Cleyton Queiroz

Programa Jornal e Educação da ANJ passa a fazer parte do Comitê de Jovens Leitores da Associação Mundial de Jornais, que trata, entre outros temas, da relação jornal e educação e de como atrair jovens leitores para os jornais. Pela primeira vez o Brasil, representado pelo Programa Jornal e Educação (PJE), passa a fazer parte […]

TRADIÇÃO E MUITA DANÇA MARCARAM AÇÃO DO GRUPO FOLCLÓRICO CHEIRO DA TERRA DE BATURITÉ

22 de fevereiro de 2017, postado em Notícias por Cleyton Queiroz

O Grupo Folclórico Cheiro da Terra de Baturité, apresentou para toda comunidade baturiteense o espetáculo de dança; Dançando o evangelho de São Lucas, folguedos do nascimento do menino Rei. O espetáculo é uma atração apoiada pela Secretaria de Cultura do Governo do Estado – Secult. O grupo se apresentou em Baturité com um misto de […]

O USO DO JORNAL NA SALA DE AULA

13 de fevereiro de 2017, postado em Atividades Pedagogicas,Notícias por Cleyton Queiroz

O uso do jornal em sala de aula indica um novo contorno do pensar e agir por meio da leitura e manipulação do jornal na escola, com resultados admiravelmente positivos. Permite, principalmente para novos leitores, a chance de acesso ao recurso jornal, como um estímulo ao prazer de ler, vincula a realidade social e a […]

PJSA inicia o ano a todo vapor

20 de janeiro de 2017, postado em Notícias por Cleyton Queiroz

O ano de 2017 iniciou a todo vapor para o Jornal na Sala de Aula. Após o período de férias de final de ano, as atividades do Programa voltaram à normalidade na quarta-feira, dia 04. Porém, neste período, a coordenação do Projeto esteve realizando alguns ajustes nos materiais pedagógicos que serão utilizados durante os treinamento […]

Mais Notícias