Leitura de jornal contribui para o aprendizado em município cearense

03 de março de 2016, postado em Atividades Pedagogicas,Notícias por Cleyton Queiroz

 392481409596

O desenvolvimento de competências e habilidades em língua portuguesa, matemática e outras disciplinas a partir da leitura do Diário do Nordeste foi a opção de vários colégios em Ocara, cidade do interior do Ceará. A utilização do Programa Jornal na Sala de Aula no município, contribui para o aperfeiçoamento da leitura, interpretação e produção de textos. Também permite aos estudantes conhecer diversas formas de linguagem e aprimorar o vocabulário.

“O jornal local de maior circulação em nosso estado é afixado nas paredes das salas de aula diariamente”, diz uma das professoras do município.“Assim, os alunos têm acesso a ele nos períodos de intervalo ou quando um professor propõe seu uso na sala de aula”, explica.

Professores de todas as disciplinas adotam a leitura do jornal, cada um de acordo com o contexto do conteúdo curricular. Professora de língua portuguesa, Maria de Lourdes da Silva, aproveita para orientar os estudantes a ler manchetes e notícias de maneira crítica. Para ela, a leitura de um jornal contribui para a ampliação do vocabulário dos estudantes. Com graduação em letras, Maria de Lourdes está no magistério há 22 anos.

A professora de história e de sociologia  procura, no jornal, notícias de interesse dos jovens ou assuntos de repercussão local, nacional ou internacional. Depois, em sala de aula, promove debates a fim de desenvolver opiniões e argumentações. “Em seguida, procuro incentivar os alunos a produzir e expor textos nos murais da escola”, revela.

De acordo com os professores, o projeto resulta em benefícios. “Estimulando a leitura, temos jovens conscientes e capazes de se tornarem sujeitos de sua história e de seu aprendizado, de desenvolver a capacidade de se expressar oralmente, de conhecer direitos e deveres, de exigir mais dos órgãos competentes nos grupos sociais em que estão inseridos”, ressalta. Outra contribuição valiosa, segundo os professores, tem sido o desenvolvimento da escrita. “A cada debate de um tema gerador segue-se uma produção textual”, diz. “Observamos não apenas a ortografia, mas também a capacidade criativa do aluno ao dissertar sobre diversos assuntos.”

Maria de Lourdes tem observado uma boa aceitação dos alunos. “Saímos da rotina e trazemos para a sala algo inovador, que é a leitura dos assuntos do cotidiano, de interesse deles mesmos”, salienta. Ela reconhece que nem sempre os estudantes entendem esses mesmos temas quando apresentados pelos telejornais. Então, ela complementa as informações com dados do contexto histórico. “É muito mais interessante do que uma aula expositiva”, justifica.

 

 

Leitura de jornal contribui para o aprendizado em município cearense 0 comentários

.

Comente

 
 
 

Outras Noticias

PJSA é reconhecido pelo segundo ano seguido como um dos melhores Programas de Jornal e Educação do Brasil

08 de junho de 2018, postado em Notícias por Cleyton Queiroz

PJSA é reconhecido pelo segundo ano seguido como um dos melhores Programas de Jornal e Educação do Brasil Premiações e Reconhecimentos Pelo segundo ano consecutivo, o Programa Jornal na Sala de Aula é eleito um dos melhores programas de Jornal e Educação do Brasil. O Projeto que é uma iniciativa do Diário do Nordeste,  conquistou […]

Jornal na Sala de Aula atinge a marca de 200 treinamentos realizados em 2017

21 de novembro de 2017, postado em Notícias por Cleyton Queiroz

O Programa Jornal na Sala de Aula, atingiu nesta segunda-feira (20) a marca de 200 treinamentos realizados em 2017, mais de 350 foram o número de educadores e educadoras beneficiados. Ter uma equipe qualificada, bem preparada para enfrentar os desafios em sala de aula é fundamental para melhorar a relação de ensino-aprendizado. O treinamento do Jornal […]

Instituto de Educação Portal – IEP realizará no próximo dia 22 (quarta-feira) a Mostra de Trabalho Cultural

21 de novembro de 2017, postado em Notícias por Cleyton Queiroz

O Instituto de Educação Portal – IEP é uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público – OSCIP, sem fins lucrativos que tem como objetivo fomentar a inclusão econômica, social e cultural, através de um programa continuado de educação e formação profissional. Atendemos mais de dois mil jovens por ano, oferecendo cursos de formação profissional […]

7 Ferramentas digitais que ajudam na alfabetização

08 de novembro de 2017, postado em Atividades Pedagogicas,Notícias por Cleyton Queiroz

Opções que trazem interação, personalização do ensino, liberdade para o desenvolvimento de criações e produções Por: Débora Garofalo O período da alfabetização é marcado pela descoberta e por muita novidade aos pequenos. Nesse período, somar recursos digitais ajuda a tornar o ambiente lúdico, interativo, envolvente. Compartilho com você, algumas ferramentas interativas que utilizo com os […]

Mais Notícias