Jornal na Sala de Aula

 

 

É a utilização do Jornal Diário do Nordeste como ferramenta pedagógica dentro da sala de aula que possibilita, especialmente aos novos leitores, a oportunidade de acesso ao meio jornal, como uma das dimensões do estímulo ao prazer de ler, a sua ampla re-interpretação em seus vínculos com a realidade social e a consequente criação de alternativas para expressão de atitudes cidadãs.

Desenvolvendo assim, um processo de formação continuada (oficinas, encontros, palestras, reuniões pedagógicas) voltado para os professores, definidos como os promotores fundamentais de tal conquista.

O Projeto Jornal na Sala de Aula já foi implementado em mais de 60 municípios do Ceará, atingindo, no total, mais de 115.000 alunos e 5.200 professores em 1.600 escolas no Estado do Ceará.

 

A MISSÃO

Acreditamos que um jornal nas mãos de um professor orientado para o seu uso multidisciplinar e transversal em sala de aula, pode assegurar não apenas a leitura plena entre estudantes, crianças ou adultos, mas também permite  a contextualização dos fatos que permeiam o cotidiano da cidade, do país e do mundo, com as disciplinas ensinadas, tornando tais conteúdos atuais, relevantes e significativos. Tudo isso faz parte e forma a  substância, do que se entende como educação de cidadãos.

Além disso, se bem preparado e executado dentro das diretrizes e orientação que fundamentam sua realização, o Jornal na sala de aula ajuda os futuros leitores, para que eles não apenas saibam como ler jornais, mas como fazê-lo analítica e criticamente, extraindo deste meio de comunicação toda a informação importante sobre qual poderá basear suas decisões.

Apresentar o jornal como recurso educacional e pedagógico mediador de fomento à leitura, auxilia no aprimoramento da expressão oral e escrita, amplia e dá significado aos conteúdos escolares, estimula o pensar integral, desenvolve a reflexão crítica, possibilita uma compreensão da realidade e estimula a atuação efetiva de educadores e educandos no contexto social.

 

IMPACTO DOS PROGRAMAS JORNAL E EDUCAÇÃO

  • Melhorar os hábitos de leitura do jornal por mostrar os aspectos positivos das noticias;
  • Melhorar as notas dos alunos;
  • Melhorar a assimilação dos conteúdos escolares;
  • Ampliar a imaginação, a interpretação e a criatividade;
  • Ampliar o vocabulário – expressão verbal e escrita;
  • Favorecer o trabalho em grupo;
  • Facilitar o acesso ao jornal para os alunos e seus familiares;
  • Favorecer a concentração e a disciplina em sala de aula;
  • Favorecer a aproximação com a família;
  • Motivar o aluno a frequentar a sala de aula;
  • Impacto positivo em avaliação nacional e internacional;
  • O jornal servir de apoio ao livro didático;
  • Promover a interdisciplinaridade e socialização entre alunos e professores;
  • Integração de alunos especiais.